Oferecimento:

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao prefeito de Lajedo, Rossine Cordeiro, deflagrar as ações necessárias para adequar o quadro de servidores municipais com a realização de concurso público para o preenchimento de vagas. O MPPE estipulou um prazo de 180 dias para que a gestão publique o edital do certame.

A recomendação foi expedida diante do descumprimento de um cronograma apresentado pelo próprio secretário de Administração do município em maio do ano passado, quando a gestão municipal indicou que realizaria o concurso até novembro de 2018. O cronograma não foi cumprido e Lajedo continua sem realizar nenhum concurso desde 200, de modo que o município mantém mais servidores temporários e comissionados que efetivos em seus quadros.

“As informações fornecidas pela Prefeitura de Lajedo evidenciam a prática da contratação temporária para o exercício de funções típicas de cargos efetivos, sem observância dos requisitos estabelecidos na Constituição Federal. O provimento de cargos em comissão tampouco obedece às regras previstas pela Lei Maior”, destacou a promotora de Justiça Giovanna Mastroianni de Oliveira, no texto da recomendação.

Fonte: MP/PE

0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.
MPPE cobra que Prefeitura de Lajedo publique edital de concurso público em até 180 dias

Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas