Pular para a barra de ferramentas

Oferecimento:

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, em entrevista ao site Poder360 nesta quarta-feira (18), que o governo vai fornecer, pelo período de quatro meses, vouchers para um grupo de 18 milhões de pessoas, incluindo famílias desassistidas e trabalhadores informais, como forma de enfrentamento aos efeitos do novo coronavírus.

Guedes prometeu que a distribuição do voucher começará a ser feita em até duas semanas. O valor do cupom, segundo o ministro, “não pode ser maior nem menor do que o do Bolsa Família”. A concessão do benefício será feita pela Caixa Econômica Federal

“A Caixa Econômica Federal tem 26 mil postos de atendimento. Já estão sendo preparados. O interessado no voucher vai se apresentar e dizer o nome e dar alguma identificação. O atendente checará se o nome já consta como beneficiário do Bolsa Família ou do BPC (Benefício de Prestação Continuada). Se não estiver recebendo nada, estará habilitado para receber o voucher e já recebe o dinheiro”, afirmou o ministro ao Poder360 .

A ideia do cupom é minizar o baque da redução da movimentação econômica com o novo coronavírus e dar poder de compra aos brasileiros mais afetados, os mais pobre e sem empregos formais.

Questionado sobre o estado de emergência e o consequentemente afrouxamento das regras fiscais deste ano, o ministro disse que não se trata de liberdade para gastar recursos públicos, já que o dinheiro será usado para a saúde.

Fonte: undefined – iG 

0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.
Guedes promete “cupom” de quatro meses para auxiliar 18 milhões de famílias

Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *