Pular para a barra de ferramentas

Oferecimento:

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira (20) um decreto que autoriza o envio das Forças Armadas para o Ceará com o o objetivo de combater a crise na segurança que atinge o estado. O decreto de Garantia da Lei e da Ordem foi publicado em uma edição extra do Diário Oficial da União (DOU) e, de acordo com o texto, os militares vão ficar na região até o dia 28.

Pouco antes da publicação do decreto, que também é assinado pelos ministros Fernando Azevedo e Silva (Defesa) e Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Bolsonaro disse em entrevista em frente ao Palácio da Alvorada, que a missão de militares em uma GLO é semelhante a uma “guerra”.

O estado de Ceará vive uma escalada de tensão e passa por crise na segurança pública depois que policiais militares se amotinaram. A categoria está em greve pelo descontentamento com as propostas de reajuste salarial apresentadas pelo governo local.

De acordo com a Secretaria de Segurança do Ceará, mais de 300 policiais militares do estado já respondem a Inquérito Policial Militar (IPM) e a processos disciplinares por envolvimento no movimento greve.

Após decisão do ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, tomada nesta quarta-feira (19), tropas da Força Nacional de Segurança se deslocaram para o Ceará nesta quinta.

Fonte: undefined – iG 

 

0saves
If you enjoyed this post, please consider leaving a comment or subscribing to the RSS feed to have future articles delivered to your feed reader.
Bolsonaro assina decreto para envio de Forças Armadas ao Ceará

Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *